Inteligência artificial: quais são as grandes mudanças que as indústrias sofrerão nos próximos anos?

HomeÚltimas do blogInteligência artificial: quais são as grandes mudanças que as indústrias sofrerão nos próximos anos?

Novos desafios foram levados para as indústrias conforme a tecnologia foi sendo instaladas em todos os setores. A forma como consumimos foi transformada aos poucos, assim como o relacionamentos com as empresas e maneira como procuramos indicações de serviços. A praticidade e agilidade são prioridade nas listas dos consumidores, tanta para adquirir produtos como para solucionar complicações.

A tendência é que as tecnologias se desenvolvam ainda mais e tomem a cada dia um espaço maior dentro das corporações. As empresas que já estão tentando se adaptar às novas tecnologias, precisam se atentar à todas as novidades do mercado para que não se percam em um mundo que se conecta 24/7 em um modelo de rede.

A automação industrial está em seu ápice de implantação dentro das indústrias, e isso à nível global. Essa tecnologia vem remodelando todo o ciclo de gestão de estoque e operações de indústrias de diversos setores, e consequentemente essa mudança influencia na experiência de atendimento e compras dos clientes.

Eficiência e aumento de vendas são consequências da popularização da inteligência artificial. Isso acaba dando oportunidade para novos empreendimentos que desejam investir em alta tecnologia e como resultado, novas vagas de emprego são criadas.

Neste artigo trazemos informações sobre quais indústrias sofrerão grandes mudanças nos próximos anos e quais são as principais inovações e tendências da inteligência artificial. Confira!

 

Principais inovações e tendências

A internet industrial das coisas

O uso do IoT teve início com a disseminação de redes padrão Ethernet no chão de fábrica, para o controle das operações de forma otimizada. Com os novos modelos de comunicação como a edge computing e a computação em nuvem, propiciaram o desenvolvimento desses sistemas.

 

Suas soluções desde o início foram direcionadas principalmente para a indústria, e por isso recebeu a denominação IIoT,ou a internet industrial das coisas. A aplicação é por meio de uma rede de computadores inteligentes, dispositivos e objetos que coletam, através de sensores, e compartilham grandes quantidades de dados. O futuro aponta para que esses dispositivos permitirão a aquisição e acessibilidade de enormes quantidades de dados, em grande velocidade e muito mais eficiente que antes.

 

Aperfeiçoamento na análise de dados

O big data é uma expressão muito comum atualmente e quem vem sendo utilizada para entender padrões de clientes e consumidores, aumentando o potencial de negócios. Perceba que, conforme os softwares ERP vão sendo aprimorados e tem suas capacidades de análise lapidadas, a eficácia com que os resultados são entregues também aumentam. Isso irá culminar na inovação da forma como as pessoas se relacionam com as bases de dados.

 

Redes de comunicação

As redes de comunicação vêm sendo modificadas já a alguns anos. Um exemplo são softwares de integração de departamento para indústrias, que evoluem a cada ano mais e mais. O progresso dessas tecnologias tem como objetivo melhorar o controle dos processos dentro das indústrias, possibilitando uma melhor comunicação entre os setores da corporação, através dessa integração de informações. A rede leva em consideração o armazenamento de dados da gestão, sistemas de distribuição, logística, financeiro etc.

 

Indústrias que sofrerão maiores mudanças

Transporte

Até hoje os engenheiros automotivos ainda não conseguir criar um sistema capaz de evitar que veículos colidam uns com os outros, com outros objetos, que avancem o semáforo vermelho ou que realizem ultrapassagens arriscadas.

 

A indústria automobilística  apostam que com a inteligência artificial tomando o controle dos volantes, os seres humanos estarão mais seguros. Por isso, atualmente, os engenheiros investem no desenvolvimento de sistemas de assistência ao motorista usando IA.

 

Medicina

Alguns sistemas já são capazes de fazer diagnóstico de doenças e prescrição de medicamentos. A inteligência artificial pode aperfeiçoar o tratamento do câncer de mama, por exemplo, e startups da área já apostam que os pacientes se sentiriam mais seguros se um robô realizasse algumas cirurgias de menor risco.

 

A presença de computadores ainda não são tão presentes no setor, pois os programas de diagnóstico e de prescrição ainda são executados por médicos. Mas já podemos esperar que nos próximos anos, com o progressos desses sistemas, seremos atendidos e cuidados em alguns setores da medicina por robôs e computadores.

 

A Inteligência Artificial busca simplificar os processos, aumentar a eficiente da logística e maximizar a produtividade de todas as indústrias através da automação industrial. Quer saber como a KM do Brasil pode auxiliar seu negócio com tecnologia avançada a fim de economizar recursos e melhorar sua gestão? Fale com um especialista e entenda nossas soluções!

 

Confira em nosso site

Conheça nossas soluções
Empresa especializada em Outsourcing de impressão
Representante Kyocera no Brasil

Leia também

OUTSOURCING DE IMPRESSÃO: PRINCIPAIS BENEFÍCIOS PARA QUEM CONTRATA!

MANUTENÇÃO DE IMPRESSORAS EM CONTRATOS DE OUTSOURCING DE IMPRESSÃO: COMO FUNCIONA?

DESVENDANDO UM SOFTWARE DE CONTROLE DE IMPRESSÃO EM 3 PASSOS

6 RAZÕES PARA TROCAR A EMPRESA QUE LHE FORNECE OUTSOURCING DE IMPRESSÃO

7 RAZÕES PARA ESCOLHER O OUTSOURCING DE IMPRESSÃO DA KM DO BRASIL